domingo, 1 de maio de 2016

PORTAS PIVOTANTES NA ENTRADA

Para recepcionar com elegância e estilo, a porta de entrada de uma casa funciona como um cartão de visitas. Será ela a responsável por antecipar impressões. Nesse sentido, a porta pivotante tem se tornado cada vez mais uma escolha curinga nos projetos de arquitetura e decoração, justamente por ser um elemento capaz de valorizar qualquer fachada.

Imponente, o grande diferencial desta proposta está nas ferragens ocultas, que permitem optar por estruturas mais largas e pesadas. Ao invés das tradicionais dobradiças, aqui será um pivô o responsável por regular a abertura da porta. Outra vantagem está na economia de espaço, uma vez que grande parte da folha é projetada para fora.

É interessante notar ainda o efeito alcançado com as portas pivotantes, que criam a sensação de transição entre o ambiente externo e o interno. É como se a estrutura funcionasse como um pórtico de entrada. No entanto, para que o efeito seja perceptível, é preciso planejar a instalação com o mínimo de 90 cm de largura, sendo 10 cm reservados para o espaço entre o pivô e a parede e os outros 80 cm restantes para a passagem.

Podendo ser projetada nos mais diferentes materiais (madeira maciça, laqueada, vidro ou alumínio), as peças se tornam únicas uma vez que dispensam maçanetas, investindo em puxadores variados e personalizados. Neste caso, o recomendado é utilizar fechadura do tipo rolete. Por fim, é importante escolher bem o profissional que desenvolverá o projeto. Portas pivotantes precisam seguir as especificações de segurança da ABNT, respeitando assim a funcionalidade na transição entre os ambientes.




Fonte: Revista Ambientes, Blog Móveis Apolo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário